Faça sua Pesquisa

Carregando...

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Fotografia bate recorde mundial ao ser vendida por R$ 16,2 milhões

Reprodução/www.lik.com
O fotógrafo de arte australiano Peter Lik bateu recorde mundial ao vender uma foto sua pelo valor de cerca de R$ 16,2 milhões

A imagem, batizada de "Phantom" (Fantasma), foi feita em um dos locais preferidos de Lik, o Antelope Canyon, no Arizona (EUA). 

Ao centro da imagem em preto e branco, chama atenção uma figura parecida com a de um fantasma

"O propósito de todas as minhas fotos é capturar o poder da natureza e fazer de um jeito que inspire as pessoas a se sentirem apaixonadas e conectadas às imagens", disse Lik, de acordo com o site da ABC da Austrália.
O comprador preferiu não ser identificado por questão de segurança. 

Agora, Lik tem quatro entre as 20 fotos mais caras de todos os tempos. Nascido em Melbourne (Austrália) de pais imigrantes tchecos, ele começou a fotografar a natureza quando ainda era criança. Aos 8 anos, ele ganhou dos pais uma câmera, que se tornou o seu primeiro "instrumento de trabalho".
Peter Lik comemora a marca no Twitter/Reprodução
Outras fotos de Lik:
Reprodução/Twitter
Fonte: page not found

Tubarão branco salta e dá cambalhota para caçar foca... de plástico!

Tubarões brancos adoram caçar focas. Sabendo disso, uma empresa turística costuma pôr no mar da Cidade do Cabo (Africa do Sul) focas infláveis como iscas para atrair os enormes predadores às suas águas. 

O artifício ilude os tubarões, que pensam estar diante de um suculento almoço e partem para o ataque, para a alegria dos turistas que acompanham a cena de barcos próximos. Registros desses ferozes ataques a focas de mentirinha foram feitos em 2013 e 2014 por Mark van Coller. Em um deles, um tubarão branco chegou a dar uma cambalhota no ar ao saltar da água para capturar a "presa".


Fotos: Barcroft Media/Other Images 

Fonte: Page Not Found

Superfã tatua 203 personagens dos 'Simpsons' nas costas


Reprodução/Twitter
Não é necessário dizer que Michael Baxter é superfã da série "Os Simpsons". Está na cara! Ou melhor, nas costas, onde o carcereiro australiano de 52 anostatuou 203 personagens do famoso desenho animados. 

O trabalho foi feito pela tatuadora Jade Baxter-Smith, que passou 130 horaspara completar o mosaico nas costas de Michael. O custo foi de cerca de R$ 31 mil

"Quis ter algo que fosse único e que ninguém mais pudesse pensar em ter", disse o australiano ao "Daily Mail". 

A paixão pela tatuagem começou uma década atrás. 

"É um vício. Uma vez que você faz uma tatuagem, quer mais e mais", disse Michael ao "Herald Sun". 

E o "mais" veio com Homer, Marge, Bart, Lisa, Maggie e tantos outros moradores de Springfield

O carcereiro, que mora perto de Melbourne (Austrália), agora busca reconhecimento do Livro Guinness dos Recordes.
Reprodução/Twitter

Fonte: Page Not Found
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...